Pyzam Glitter Text Maker

Glitter Graphics Maker & MySpace Layouts



"Quanto mais do mundo vi, menos pude moldar-me à sua maneira."

(Jean-Jacques Rousseau)

quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

Não estou brava! Eu sou séria...


Bonsoir, mes amis!

Há muitos anos venho sofrendo de um mal: muitos que me conhecem há tempos dizem que, quando me viram pela 1ª vez, acharam que eu era brava. Brava, eu? Imagina...

Isso não é só com pessoas adultas. Toda vez que vejo uma criança, tento ser agradável, brincar, tal. Mas, os pequenos sempre se assustam comigo, ou não querem brincar e brigam comigo, me desprezam (hahahahahahaha). Sei que não tenho muito jeito com crianças, pois não consigo fazer aquelas brincadeirinhas, falar fininho, dizer "pipi", "au-au", "bumbum". Pra mim, é XIXI, CACHORRO, BUNDA. Não consigo ter frescurinhas...

Outros dizem que eu olho com desprezo. Fico indignada, pois não é verdade. Certo dia, estava conversando com um amigo do meu irmão e tiraram uma foto de nós. Meu Deus! Quando eu vi a foto, me espantei: estava olhando pra ele com uma cara de esnobe... foi nojento de ver. Descobri, portanto, que as minhas feições nem sempre correspondem com o que eu estou sentindo. Engraçado isso, né?

Se alguém tiver uma dica de como melhorar isso, me ajudem, please!!! Se bem que acho que melhorei bastante...

Beijos a todos! Bonne jornée!

9 comentários:

Elaine disse...

Olá!
Sabe o que eu acho?
Que você devia pedir a todos que você conhece ou que venha a conhecer que leiam seu blog antes de tudo. Se for criança, peça aos pais que leiam para elas.Dois ou três artigos depois e a má impressão já era!Beijos,
Fica com deus

Tânia (Marienkäfer Laden) disse...

Nossa, comigo acontece exatamente a mesma coisa! Aliás, com certeza vc deve ter esta impressão de mim, das vezes que me viu no Mack. Muitos acham que sou metida ou brava, mas não é nada disso, rs. Aí qdo as pessoas me conhecem um pouco mais, me acham calma, um sossego, só que tb não sou Buda, hehe. Sei lá, cada um com suas impressões, não dá para agradarmos a gregos e troianos, né?

milene widholzer disse...

Oi Karin:
Cheguei aqui através do blog da Tânia (aí em cima kkkkkkk). Adorei o teu blog. E esse post então!! Comigo acontece direto. Eu estou pensando uma coisa e meu rosto nunca está combinando com o que eu sinto. Sempre séria, com expressão impaciente... Quem me conhece - família, amigos - não percebe, mas os estranhos, depois que ficam com mais espaço, sempre comentam que me achavam furiosa kkkkk, mas que eu sou bem legal (tri modesta).
Tenho tentado mudar isso. Mas minha filha diz que meu rosto, na tentativa de ser simpático como meus sentimentos, fica muito estranho, meio forçado.
É o verdadeiro "se correr o bicho pega..." rsrsrsrsrsrs
Bjinhos

Andrea disse...

Sabe...as pessoas tb tem essa impressão de mim, mas eu nem ligo! É minha personalidade....ouço mais que falo, observo bem as pessoas e somente depois, posso me considerar amiga.
Sou meio chata com isso.
Mas, belê!
Fica com Deus!
Beijocas!
E sua filhinha Jade é uma delícia!!!

Tânia (Marienkäfer Laden) disse...

Que bom que chegou tudo direitinho! E melhor ainda que gostaram!
Sobre o e-mail da veterinária, o que podemos fazer é divulgar, né?
Bjos!

Gata Lili disse...

vim aqui só para deixar um miau pra você. adorei o blog! parabéns!

Tânia (Marienkäfer Laden) disse...

Dê uma olhadinha no meu blog e participe da brincadeira em que indiquei vc!

Claudia Goulart disse...

Karin, só de querer mudar, vc já deu um grande passo!
O negócio é esse mesmo, se policiar e tentar perceber quando tá fazendo cara "tipo nojo". É como corrigir postura, a gente senta de qquer jeito e depois se arruma.
Boa sorte, querida!
Vc vai conseguir!
bjs

splendid disse...

You these things, I have read twice, for me, this is a relatively rare phenomenon!
handmade jewelry